Grupo de refugiados infetados com coronavírus recusa-se a sair de autocarro após transporte para base militar

Comentários ao Artigo