Miguel Frasquilho admite que a TAP não necessitaria de fundos excecionais se não fosse a pandemia

Miguel Frasquilho admite que a TAP não necessitaria de fundos excecionais se não fosse a pandemia

2020-06-24 - Expresso

O presidente do conselho de administração da TAP sublinha que é evidente que o Estado defendeu os interesses da companhia e admite que a expectativa era a de que a transportadora não iria necessitar de capital adicional em 2020 e que isso só acontece por causa da pandemia

ABRIR ARTIGO NA FONTE

NOTA: Conteúdo público da fonte RSS http://feeds.feedburner.com/expresso-geral?format=xml do meio Expresso

Comentários ao Artigo