O olhar indiferente é um perpétuo adeus

O olhar indiferente é um perpétuo adeus

2021-10-06 - Transportes e Negócios

Hoje, todos querem comboios na sua terra, à sua porta, e de preferência “grátis” à conta da diminuição da emissão do CO2. Esses mesmos, são os que durante 30 anos arrancaram e venderam carris ao desbarato, travessas aos tostões e transformaram vias em ciclovias.

ABRIR ARTIGO NA FONTE

NOTA: Conteúdo público da fonte RSS https://feeds.feedburner.com/TransportesNegcios?format=xml do meio Transportes e Negócios

Comentários ao Artigo